Meu carrinho de compras
Carrinho Vazio

Aplicador de Criofrequência Facial para Ethernia Cold - Medical San

Disponibilidade: Imediata
Lançamento
0 Opiniões

Por:
R$ 2.990,00

R$ 2.840,50 à vista com desconto
ou 10x de R$ 299,00 Sem juros
/ 1
Simulador de Frete
- Calcular frete
Calcular frete:
Descrição Geral

O Aplicador de Coldfrequência Medical San, possui no centro o sistema de Peltier para resfriamento e aquecimento, respectivamente em suas laterais estão localizadas as placas de radiofrequência. Pode ser utilizado em face e regiões menores. Aplicador para uso exclusivo no equipamento Ethernia Cold

Aplicador opcional multifuncional de criofrequência e radiofrequência.

 

Diferenciais e Benefícios:

  • Versátil: alto efeito terapêutico não invasivo, tratando qualquer fototipo de pele;

  • Ergonômico: permite tratar áreas menores, tornando o tratamento mais eficaz;

  • Bipolar: não necessita de uso de placa de retorno.

 

Conservação:

  • Limpar o transdutor todo fim de sessão, removendo assim todo o acúmulo de gel, pois caso o gel não seja removido o aplicador se degrada rapidamente, recomendamos o uso de álcool com um pano seco.

 

Ficha técnica
Código 1959
Estoque 1
Categoria Aparelhos
Marca Medical San
Itens Inclusos 01 Aplicador de Criofrequência Facial para Ethernia Cold - Medical San.
Indicado para
Contraindicado
Especificações Técnicas

Indicações:

  • Aplicador facial ou áreas pequenas de Criofrequência para Ehernia Cold da Medical San.

 

Efeitos Fisiológicos:

  • Lifting imediato: o aumento da temperatura interna na derme promove, inicialmente, o rompimento das pontes de hidrogênio existentes na molécula de colágeno, o que acarreta uma reorganização das fibras, além de sua contração, tornando-a mais eficiente na sustentação da pele;
  • Reparo tecidual: A lesão dérmica causada devido ao calor auxiliará na desnaturação das fibras de sustentação que já perderam elasticidade, além de iniciar o processo de sinalização para o reparo tecidual gerando uma hiperativação das células da região;
  • Vasodilatação: este calor irá aumentar o metabolismo celular e gerar vasodilatação. Com a vasodilatação, aumenta o aporte de oxigênio e de nutrientes para as células;
  • Neocolagênese: as altas temperaturas alcançadas na derme levam à degradação de 5 a 30% das fibras colágenas, além de fibrina e elastina. O efeito consequente existente é a estimulação da atividade dos fibroblastos com a síntese de novo colágeno, elastina e ácido hialurônico; com o aumento histologicamente comprovado da densidade dérmica.