O Sonofocus aparelho de ultrassom da Ibramed é perfeito para os tratamentos de gordura localizada, redução de líquidos e modelagem corporal. Na BVTech tem o melhor em aparelhos para sua Clínica de estética e saúde.
IBRAMED
Model: Sonofocus
Product ID: 2033
Product SKU: 2033
Sonofocus Aparelho de Ultrassom Focalizado - Ibramed

Sonofocus Aparelho de Ultrassom Focalizado - Ibramed

Marca: IBRAMED
Modelo: Sonofocus
Disponibilidade: **INDISPONÍVEL CONSULTE PRAZO DE ENTREGA LIGUE NA LOJA FISICA
Referência: IBRAMED - 01004017
aguarde, carregando preço...
O Sonofocus - Ibramed é um equipamento de lipocavitação focalizada, que produz energia ultrassônica de alta intensidade e é destinado aos tratamentos de estética. Ele possui frequência de 1,8MHz modulado por PWM em 31KHz, potência máxima de 30W e transdutor côncavo, que permite a concentração da energia ultrassônica na zona focal à profundidade controlada de 1 a 1,5cm. Essa é a profundidade ideal para atingir o tecido adiposo sem oferecer riscos ao paciente. O Sonofocus é um equipamento eficiente, seguro, preciso e fácil de operar.
 
O equipamento deve ser usado somente sob prescrição e supervisão de um profissional licenciado.
 
O que é ultrassom focalizado?
 
O ultrassom focalizado de alta intensidade (HIFU – High Intensity Focused Ultrasound) originalmente foi idealizado para tratamento de tumores por ablação. Nesse caso, a alta concentração de energia no ponto focal deve ser suficiente para destruir as células tumorais e tratar o câncer.
 
O HIFU, para uso estético, consiste na propagação da energia ultrassônica através dos tecidos biológicos sem causar danos, pois os feixes de ultrassom carregam energia que converge dentro do volume ou da área focal, o que pode aumentar a cavitação do local e da temperatura em uma magnitude suficiente para provocar lesão no tecido adiposo subcutâneo, com consequente degradação dos adipócitos na área de tratamento. Isso ocorre sem gerar danos aos tecidos ao redor ou sobrejacente.
 
Quando o tecido adiposo da área focal recebe essas doses maciças de energia, uma forte cavitação aliada às ondas de choque acústicas é produzida. Essa combinação de efeito mecânico associado aos efeitos térmicos produz a emulsificação da gordura contida nos adipócitos sem afetar significativamente as estruturas adjacentes. Tal mistura de estresse mecânico e térmico dispara nas células adiposas uma cascata de eventos que induz à apoptose ou à morte celular programada. Células especializadas digerem, por liberação de enzimas, parte dos lipídeos liberados e restos de células mortas no local tratado. Esse processo é subclínico e geralmente assintomático.
01 cabo PP Fêmea I.E.C. de 3 x 0,75 x 1500mm (Cód. 03017007);
01 rack metálico (Cód. 03030039);
01 placa polipropileno de 20×20 com 0,25mm (Cód. 03027242);
01 banner Sonofocus com medida de 0,70cm x 1m (Cód. 03026084);
01 kit gel 1kg, contendo: fita métrica, adipômetro, cubeta e espátula (Cód. 03044009);
01 pedal (Cód. 02039229);
01 aplicador (Cód. 02039534);
01 filme de PVC (Cód. 03038047);
01 fusível 20AG 05A (Cód. 03019012);
01 cartela de fusível de proteção (Cód. 03026009);
01 manual de operações digital (Cód. 03040006).

Deixe seu comentário e sua avaliação







- Máximo de 512 caracteres.

Clique para Avaliar


  • Avaliação:
Enviar
Faça seu login e comente.

    Redução de gordura localizada;
    Redução de medidas;
    Remodelagem corporal.
     
    A lipocavitação focalizada Sonofocus conta com princípios similares ao ultrassom terapêutico e ao HIFU. O ultrassom terapêutico plano consiste em uma modalidade de energia muito usada na reabilitação física e, por meio de seus efeitos mecânicos e térmicos, ele promove o reparo e a regeneração em tecidos ósseo-músculo-esqueléticos e/ou permeação de ativos através da sonoforese/fonoforese. Nessas modalidades de tratamento, geralmente são usadas baixas intensidades de energia.
     
    Há, ainda, transdutor plano, porém associado às correntes elétricas terapêuticas e intensidades altas de energia (até 3W/cm²), as quais são usadas em tratamentos estéticos com o propósito de favorecer a lipólise, a drenagem tecidual e a reorganização tecidual.
     
    A habilidade do HIFU em atingir, desde volumes celulares a profundidades controladas, surgiu como uma atraente proposta para a utilização em tratamentos estéticos objetivando a modelagem não invasiva do contorno corporal.
     
    A lipocavitação focalizada Sonofocus foi produzida com transdutor curvo e frequência de 1,8MHz modulado em 31KHz, com profundidade controlada de área focal entre 1 e 1,5cm, determinando maior segurança na aplicação.
     
    Efeitos fisiológicos do ultrassom focalizado  
    Para a disponibilização de lipídeos na forma de ácidos graxos livres na circulação sanguínea para a oferta de energia às células (ATP – adenosina trifosfato), é necessário que os triglicerídeos sejam clivados e liberados na circulação. Para essa disponibilização, mecanismos de lipólise são ativados via liberação de hormônios lipolíticos, tais como: as catecolaminas (adrenalina e noradrenalina), glucagon, hormônio adrenocorticotrófico, hormônio de crescimento, hormônios tireoidianos e leptina.
     
    Esse mecanismo ativa a lipase hormônio sensível (LHS), que desencadeia uma série de reações intra-adipocitárias, as quais resultam em lipólise com liberação de glicerol e ácidos graxos livres na circulação sanguínea. Esses substratos servirão de matriz para a produção de energia celular de acordo com a demanda.
     
    No fígado, o glicerol liberado pode ser utilizado para a síntese de glicose. Os ácidos graxos livres, se não utilizados, sofrem reesterificação hepática ou no próprio adipócito e são rearmazenados na forma de triglicerídeos.
     
    Na lipoclasia, uma vez promovida a ruptura da membrana do adipócito, a célula entra em apoptose (morte celular programada) e uma cascata de eventos envolvendo células do processo inflamatório, como neutrófilos e macrófagos, são ativados. Essas células fagocitam e digerem, por liberação de enzimas, parte dos lipídeos liberados e debris (restos) de células mortas no sítio da lesão. Sinais químicos ativam os fibroblastos, que promovem síntese de novo colágeno nos septos de gordura e pele adjacentes, finalizando o processo de cicatrização, o qual é subclínico e geralmente assintomático.
     
    Qual a diferença entre ultrassom de baixa (ultracavitação) e de alta frequência (lipocavitação focalizada)?
    Quanto menor a frequência do ultrassom, maior será a profundidade de penetração do feixe ultrassônico. Isso ocorre, inclusive, com os transdutores planos usados para cavitação e para a ultracavitação, pois trabalham com baixas frequências em KHz.
     
    A aplicação de transdutor para ultracavitação envolve uma grande profundidade de penetração do feixe ultrassônico (até 45cm). Para evitar lesões internas, a ultracavitação deve ser aplicada com pinçamento da pele e do tecido subcutâneo, porém erros operacionais de posicionamento podem levar a lesões internas com consequências médias a graves, ampliando a relação custo-benefício.
     
    Estudos mostram que quando comparadas, as baixas frequências têm potencial efeito na quebra de gordura, entretanto eles demonstram que a lipólise também pode ser induzida com eficácia em altas frequências com transdutor focalizado. Frequências maiores apresentam penetração mais superficial, concentrando a energia no tecido adiposo, o que minimiza riscos ao paciente, enquanto frequências mais baixas podem atingir tecidos mais profundos e comprometer a segurança.
     
    A cavitação é definida como um “fenômeno de formação de bolhas gasosas em um líquido em movimento”. O efeito cavitacional da onda ultrassônica é bastante conhecido, uma vez que ocorre em toda aplicação de ultrassom em que a oscilação molecular nos tecidos acontece de forma cíclica.
     
    As cavidades ou bolhas que se formam podem ser estáveis ou instáveis. As bolhas estáveis oscilam de tamanho, mas se mantêm íntegras; já as instáveis têm uma alteração brusca de tamanho e implodem com a vibração das ondas ultrassônicas. Essa implosão cavitacional libera energia e provoca uma lesão tecidual no local de atuação. Tal lesão produz uma fragmentação celular, levando à destruição celular, a qual posteriormente é removida por células especializadas pró-inflamatórias, chamadas macrófagos.
     
    A ultracavitação se baseia no uso do ultrassom, a fim de obter um efeito mecânico maciço que age induzindo lise de células de gordura. Todo mecanismo de ultrassom atua com ondas de compressão e descompressão, gerando energia positiva e negativa, respectivamente, no tecido tratado.
     
    A teoria da ultracavitação cogita a ideia de que a gordura é um tecido de grande volume e de baixa densidade (0,9g/cc) suscetível às inúmeras bolhas formadas pelas ondas ultrassônicas de alta intensidade. A compressão produz uma pressão positiva e implode as bolhas, liberando energia que afeta as células de gordura.
     
    Riscos da lipoaspiração x lipocavitação focalizada
    Uma das principais formas de tratamento de adiposidades é a lipoaspiração, um método cirúrgico utilizado para a remoção de tecido adiposo de algumas regiões do corpo através de cânulas que podem estar conectadas a um aspirador, a seringas, a aparelhos de ultrassom ou a um vibrolipoaspirador.
     
    As complicações pós-operatórias maiores ou menores e o índice de morbimortalidade são semelhantes a qualquer outro procedimento cirúrgico. As maiores classificam-se como emergências médicas, tais como liponecrose, necrose cutânea, edema pulmonar agudo, trombose venosa profunda, embolia gordurosa, anafilaxia, perfurações abdominais e torácicas, coma e em alguns casos, morte.
     
    As complicações menores são de ordem estética, como irregularidades da superfície, assimetrias, flacidez acentuada de pele e equimoses prolongadas com formação de hipercromias, edema persistente, hipoestesia, hiperpigmentação, assimetria, hematoma ou formação de seroma. Além, é claro, da necessidade de internação e de repouso pós-operatório.
     
    A lipocavitação focalizada é considerada a verdadeira “lipo sem cortes”, pois a resposta lipolítica proveniente do ultrassom focalizado estimula a redução da gordura localizada e a remodelagem corporal de forma conservadora, sendo uma alternativa perante os arriscados procedimentos cirúrgicos.